O que isso te traz de bom

De olho no IMC

Reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), o Índice de Massa Corporal ou IMC, como é popularmente conhecido, é um padrão internacional que avalia o peso em relação à altura em pessoas entre 20 e 59 anos. No entanto, vale lembrar que o resultado não indica como está o estado nutricional do indivíduo, pois somente um médico pode dar mais informações sobre todos os aspectos da nossa saúde, como percentual de peso e bioimpedância - exame que analisa o peso da massa magra, gordura e percentual de hidratação.


APRENDA A CALCULAR SEU IMC

O cálculo do Índice de Massa Corporal é feito a partir do peso (em kg) dividido pela altura (em metros) ao quadrado.

PESO

 = IMC

ALTURA²



Resultado

  • Abaixo do peso: IMC abaixo de 18,5
  • Peso normal: IMC entre 18,5 e 25
  • Sobrepeso: IMC entre 25 e 30
  • Obesidade: IMC acima de 30

 

Composto por massa gorda (gordura) e massa magra (órgãos, músculos, sangue e demais líquidos), o peso corporal, quando em equilíbrio, auxilia contra o frio e possíveis impactos nos órgãos. No entanto, quando em excesso, pode resultar em problemas de saúde como diabetes, colesterol alto e doenças cardíacas.

Além de acompanhar seu IMC, conheça outros hábitos para ajudar a evitar o risco de doenças relacionadas à obesidade e a má alimentação:

Não tenha medo da balança!

Suba na balança ao menos uma vez por mês no mesmo horário e no mesmo aparelho, sempre calibrado. Ao manter a prática é possível saber se você está ganhando ou perdendo peso com frequência.

Que tal diminuir aquela maratona de séries?

O sedentarismo faz mal não somente para a saúde do seu corpo, como também da mente. Praticar exercícios regularmente evita o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, estresse e até depressão.

Hambúrguer é uma delícia, mas…

Trocar alimentos enlatados, processados e fritos por frescos e naturais só traz benefícios. Quanto mais colorido for seu prato, mais saudável sua alimentação será.

Vá ao médico regularmente

O seu IMC é uma das informações que devem ser consideradas para a avaliação da sua saúde e não um dado que deve ser interpretado de forma isolada. Somente o seu médico poderá dar mais informações sobre todos os aspectos da saúde.

Você na agenda

Já marcou uma hora com você hoje?

Mudar um hábito não é fácil. Mas é possível. E a gente vai te ajudar nisso enviando lembretes, dicas e receitas. Cadastre-se e conte qual é o hábito que você quer mudar.



Cadastrar Entrar


Escrito Por: Unimed

Unimed.

Conteúdos relacionados

O que isso te traz de bom

Alimentação saudável na terceira idade

Unimed |

Aliadas às atividades físicas e intelectuais, esses hábitos saudáveis auxiliam na prevenção de doenças, mais comuns durante esse período. Saiba mais! 

Ler matéria

O que isso te traz de bom

Formas de incentivar a alimentação saudável para crianças e adolescentes

Unimed |

Sempre é tempo de promover a mudança em casa. Separamos 5 formas de incentivar a alimentação saudável.

Ler matéria

O que isso te traz de bom

A importância do amendoim na alimentação

Unimed |

Servido como petisco no Brasil, o amendoim tem ganho cada vez mais espaço na alimentação diária da população. 

Ler matéria

O que isso te traz de bom

Acupuntura: os benefícios da terapia com agulhas

Unimed |

Recurso terapêutico que utiliza agulhas específicas visando estimular determinados pontos pelo corpo, para promoção, manutenção e recuperação da saúde.




Ler matéria